A partir de 15 de junho, Marrocos permitirá a realização de voos a partir de e para um conjunto de países, nos quais se inclui Portugal. Os passageiros provenientes de Portugal, qualquer que seja a sua nacionalidade, poderão, assim, entrar em Marrocos mediante apresentação de um certificado de vacinação ou um teste PCR com resultado negativo, efetuado menos de 72h antes da data de entrada em território marroquino.

Os titulares de certificados de vacinação estrangeiros beneficiarão, em território marroquino, das mesmas condições concedidas aos titulares de certificado de vacinação emitido por Marrocos.

 

  • Partilhe